Buscar
  • Fernanda Damy Haybittle

Nossas recomendações para quem tem medo de abrir um negócio.



É normal ter medo do desconhecido! Está tudo bem.


gif

Montamos aqui alguns passos para você se proteger dos riscos iniciais e para ajudá-la a tomar uma decisão bem consciente: 1. Fazer uma auditoria nas suas finanças pessoais e familiares e quanto dinheiro você pode colocar nesse projeto. Se não tiver o dinheiro necessário, liste alternativas possíveis e realistas. 2. Pesquisar o mercado pretendido (por exemplo, beleza, alimentação, consultoria, representação comercial etc) e ver quais as forças e fraquezas deste setor, e como você poderia contornar eventuais obstáculos e potencializar resultados com bases em dados estatísticos de mercado. 3. Entender se há público consumidor para sua idéia de negócio: o mundo/ minha cidade/ meu bairro precisa daquilo que eu quero oferecer em produtos e serviços?

Não se deixe enganar por esta ideia de viver do seu propósito: NEM TODO PROPÓSITO PODE SER TRABALHO REMUNERADO.


4. Avaliar, caso tenha filhos, como este novo trabalho vai impactar na rotina das crianças. Se você sai para trabalhar, quem vai cuidar deles? Quem vai cuidar da casa? Quem pode te ajudar no dia a dia? Quem faz parte da sua rede de apoio? . 5. Esperar que você vai poder tomar estas decisões numa batida de olhos na conta do banco ou numa conversa de WhatsApp no grupo da família é uma ilusão. Estes são apenas os primeiríssimos passos para avaliar a construção deste seu novo momento profissional, e você vai precisar de muito tempo e ponderação antes de decidir os próximos passos. .

gif

Se você quer abrir um negócio próprio e não sabe como nem por onde começar, nossa consultoria tem produtos e serviços que certamente vão colocá-la no caminho certo. Trabalhamos com e para pequenos negócios criados e geridos por mulheres de todo o país. Clique no link da bio para saber mais ou mande uma DM pra gente contando sua história.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo